No último dia de Greve, APLB promove campanha de doação de sangue

Posted on Leave a commentPosted in Uncategorized

Nesta sexta-feira(24), último dia de Greve Geral Nacional, a APLB Sindicato de Jequié promoveu a Campanha de Doação de Sangue: “Eu dou sangue pelos meus direitos”. Professores da Rede Municipal e Rede Estadual de Ensino estiveram presentes no Hemoba (anexo ao Hospital Geral Prado Valadares) para doar sangue para os que precisam de esperança no tratamento de enfermidades.

Para a Diretora da APLB, Caroline Moraes, este é um momento de mostrar a população jequieense que a Greve Geral Nacional é justa. “Nós vamos para as ruas sim, mas também pensamos no bem da população, por isso doamos nosso sangue para mostrar a responsabilidade do movimento e o nosso compromisso com o cidadão brasileiro”, afirmou.

A categoria de trabalhadores em educação retorna suas atividades escolares nessa segunda-feira (27), mas ainda continuam mobilizados e prontos para lutar por seus direitos. “A educação só será de fato emancipadora e de qualidade quando os seus trabalhadores forem respeitados e valorizados em seus direitos”, finalizou a diretora da APLB.

 

Professores da Rede Municipal de Jequié retornarão às escolas nessa segunda (27), porém estarão mobilizados

Posted on Leave a commentPosted in Uncategorized

 

A APLB Sindicato realizou nesta quinta-feira (23) uma Assembleia com a categoria de professores para discutir as demandas da educação municipal e avaliar a greve geral contra a Reforma da Previdência e pela aplicação do Piso Salarial de 2017.

Com pauta extensa, a diretora da APLB, Caroline Moraes, falou, dentre outros informes, sobre os documentos encaminhados ao Governo Municipal referente ao Piso Salarial de 2017, da criação da Mesa Permanente de Negociação, dos tramites judiciais dos precatórios do FUNDEF. Caroline também fez um resumo da audiência com o Secretário Municipal de Educação, realizada na última sexta-feira (17).

Sobre a Greve Geral, a Diretoria avaliou o movimento como positivo, mas ressaltou que a categoria de professores deverá ficar mobilizada até a próxima convocação do Sindicato. A APLB informou que solicitou do Secretário de Educação e do Conselho Municipal de Educação participar da discussão do calendário de reposição dos dias parados por conta da Greve Geral.

Houve a participação das mulheres representantes do Movimento de Mulheres Jequieenses em Luta para sensibilizar e buscar assinaturas dos/as participantes para um abaixo-assinado contra o fechamento do Centro de Referência a Mulher- CRM, pela prefeitura de Jequié. E ainda esteve presente a equipe do Hospital São Vicente com o objetivo de esclarecer sobre o convênio com a APLB Sindicato.

APLB acompanha leitura da moção de repúdio a reforma da previdência na Câmara de Vereadores

Posted on Leave a commentPosted in Uncategorized

A diretoria da APLB Sindicato de Jequié juntamente com alguns professores estiveram presentes, hoje (21), na Câmara Municipal de Vereadores onde acompanharam, dentre outras ações, a leitura da moção de repúdio a reforma da previdência proposta pelo Governo Temer, PEC 278. Em Jequié, os/as professores/as continuam na luta contra essa reforma criminosa.

Greve Geral Nacional: APLB promove reunião com representantes de Escola para discutir os impactos da Reforma da Previdência

Posted on Leave a commentPosted in Uncategorized

Hoje,(20), pela manhã, com o objetivo de discutir de forma mais técnica a Reforma da Previdência(PEC 287/16) e a Reforma Administrativa da Prefeitura Municipal de Jequié, a Diretoria da APLB Sindicato realizou uma reunião com os/as professores/as Representantes das Escolas Municipais, como uma das atividades da Greve Geral. Compareceram também para participarem da discussão o Sr. José Leal e a Vereadora Laninha que enriqueceram o debate dos temas com suas experiências. O encaminhamento da Reunião foi de fortalecer a realização de uma Audiência Pública pela Câmara Municipal de Vereadores para ouvir a população jequieense sobre a Reforma Administrativa.

APLB promove debate com advogada e esclarece dúvidas sobre os efeitos da Reforma da Previdência na vida profissional dos/as professores/as e mulheres

Posted on Leave a commentPosted in Uncategorized

Seguindo o cronograma de atividades da Greve Geral contra a aprovação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) nº 287, a APLB Sindicato trouxe, nesta quinta feira (16) para Jequié, a advogada militante nas áreas de Direitos Humanos e Direito Previdenciário, Dra Jurema Cintra, para debater e esclarecer dúvidas dos/as professores/as sobre os efeitos da Reforma Previdenciária proposta pelo (Des)Governo Temer.

Dra Jurema deu inicio a palestra falando sobre conceito de Previdência, Seguridade Social e sua relação com o envelhecimento da população mundial e brasileira. Afirmou que a PEC 287 é anti-democrática, apresentando dez pontos polêmicos da Reforma, destacando como fica a aposentadoria dos/as professores/as, servidores públicos e o impacto da mudança em especial para as mulheres. “A previdência é muito mais do que falar em aposentadoria, é ter o direito de envelhecer com dignidade”, afirmou a advogada.

A diretora da APLB, Caroline Moraes, afirmou que com a Reforma a categoria de profissionais da educação estará duplamente prejudicada, primeiro porque a grande maioria é de mulheres e segundo que os/as professores irão perder o direito a aposentadoria especial. Caroline chamou a atenção para uma maior adesão ao movimento grevista. “Conseguimos que a maioria das escolas (públicas estaduais e municipais) parassem suas atividades para aderir a greve, mas ainda é preciso que cada escola realize reuniões informativas em cada Unidade de Ensino para fortalecer o movimento contra a Reforma da previdência proposta pelo Governo Temer. Nós precisamos ganhar as ruas!”.

Na sexta, (17), pela manhã, A Diretoria do Sindicato participou da sua primeira audiência com o Secretário Municipal de Educação de Jequié para discutir as demandas da Educação do Município.

 

APLB de Jequié participa ativamente do Ato Público contra a “Reforma” da Previdência

Posted on Leave a commentPosted in Uncategorized

A APLB Sindicato de Jequié participou, hoje (15) pela manhã, do Ato Público contra a Reforma da Previdência apresentada ao Congresso Nacional pelo (DES)governo Temer. Muitos professores e profissionais da Rede Pública (municipal e estadual) e Rede Privada de ensino, profissionais da saúde, representantes de sindicatos de Jequié e região aderiram à greve nacional. A paralisação, que vai ate o dia 25 de março, atinge todos os estados do país e abre um calendário intenso de mobilizações envolvendo centrais sindicais e movimentos populares contra a aprovação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) nº 287/2016, que muda as regras da aposentadoria no país.

A medida estabelece idade mínima de 65 anos para homens e mulheres poderem se aposentar e ainda exige contribuição de 49 anos para que o trabalhador possa receber o valor integral do salário. Para a diretora da APLB Sindicato, Caroline Moraes, o setor da educação é quem vai ter mais prejuízos com a Reforma: “Nós professores temos direito a aposentadoria especial e esta será retirada, o que equivale a uma perda irreparável de um direito conquistado com muitas lutas”, afirmou.

O Vereador Regi Silva, que estava presente no movimento, disse que a Câmara de Vereadores de Jequié apresentará na Câmara Municipal de Vereadores, ainda hoje, um documento requerendo da Casa de Leis que realize uma audiência Pública para discutir a (PEC) nº 287/2016, e também irá apresentar uma moção de apoio ao movimento grevista e em favor do povo brasileiro.

O movimento iniciou no Largo da Catedral de Santo Antônio, percorreu as ruas do centro e finalizou na Praça Rui Barbosa com um ato público.O evento chamou atenção do comercio e de todas as pessoas que ali passavam. Ao final, a professora Caroline fez um convite a população para continuar participando das atividades previstas para os dias de greve.

ASSEMBLEIA REGIONAL DELIBERA ADESÃO A GREVE NACIONAL A PARTIR DO DIA 15 DE MARÇO

Posted on Leave a commentPosted in notícias

Foi realizada na manhã de hoje (07) a Assembleia Regional Unificada da Regional Centro-Oeste para deliberar sobre a participação dos/as trabalhadores/as em educação da rede municipal e estadual na Greve Geral com início em 15 de março do corrente ano, que tem como principais reivindicações a não aprovação da reforma previdenciária e o cumprimento do piso salarial dos professores.

A Assembleia foi conduzida pela Diretora Regional da APLB, Dilma Santana Miranda, pela Diretora da Delegacia do Sol, Caroline Morais Brito, a Diretora do Departamento Educacional da APLB de Salvador, Olivia Mendes e demais Diretores da Delegacia do Sol/Jequié. A assembleia contou com a participação da vereadora Joselane Ferreira (Laninha) e dos representantes dos Sindicatos Regionais.

Houve uma grande participação dos Trabalhadores em Educação das Redes Públicas Estadual e Municipal de Jequié e Região, estando presentes representantes de 25 municípios que compõem a Regional.

Por unanimidade foi votada a greve nacional com início no dia 15 de março e com avaliação do movimento no dia 23 de março, em assembleia. Depois da votação, a professora Caroline apresentou uma agenda de atividades que serão realizadas em Jequié durante a greve. Confira:

PROGRAMAÇÃO DA GREVE GERAL EM JEQUIÉ APRECIADA NA ASSEMBLEIA UNIFICADA REGIONAL DO DIA 07/03/2017

15/03/2017 (Quarta-feira) – Atividade Unificada em Jequié coordenada pela CTB de Jequié e Região.

Local: (A definir)
Horário: (A definir)

***
16/03/2017 (Quinta-feira) – Debate com Dr.ª Jurema Cintra (Itabuna-BA)

Tema: Debate sobre os efeitos da Reforma da Previdência proposta pelo (Des)Governo Temer para os/as professores/as e mulheres.

Local: Terceira Visão
Horário: 15:00 horas

***

17/03/2017 (Sexta-feira) – Audiência com o Secretário Municipal de Educação de Jequié.

Local: Secretaria Municipal de Educação de Jequié
Horário: 08:00 horas
Participantes: Diretoria da Delegacia do Sol/Apromuje – APLB Sindicato

***

20/03/2017 (Segunda-feira) – Reunião com os representantes das Escolas Municipais
Local: APLB Sindicato
Horário: 9 horas
Tema: Reforma Administrativa

***

21/03/2017 (Terça-feira) – Reunião da Diretoria do Sindicato para avaliar o movimento de Greve Geral em Jequié.

Local: APLB Sindicato
Horário: 10:00 horas

***

22/03/2017 (Quarta-feira) – Panfletagem sobre a Reforma da Previdência no Centro da Cidade de Jequié.

Saída da APLB Sindicato
Horário: 08:00 horas (manhã) e 17:00 horas (tarde)

***

23/03/2017 (Quinta-feira) – Assembleia da Rede Municipal de Ensino de Jequié para discutir as demandas dos/as professores/as municipais e para avaliar a greve geral.

Local: Auditório da Terceira Visão
Horário: 15:00 horas

***

24/03/2017 (Sexta-feira) – Campanha de doação de sangue: “Eu dou sangue por meus direitos”.

Local: HEMOBA
Horário: Pela manhã